Deputado federal em sua primeira legislatura, o cantor sertanejo Sérgio Reis (PRB-SP) está de volta aos holofotes da política nesta quinta (14). E não é por causa de nenhum projeto de lei aprovado ou algo do tipo. Um vídeo publicado no Twitter mostra o artista dando uma entrevista em que manifesta apoio ao colega de Congresso Jair Bolsonaro (PSC-RJ). Com pouco menos de um minuto, e alguns cortes, o vídeo mostra inclusive simpatia à candidatura de Bolsonaro a presidente.

“Você fez uma pergunta do Bolsonaro… Hoje, nós temos muitas dúvidas sobre quem pode e quem deve ser o nosso presidente da República… Depois de tantas tristezas que nós estamos assistindo no nosso país… Tantas coisas que aparecem todo dia… Que o povo fica incrédulo… Não sabemos mais o que fazer… Quem nós vamos pôr… Precisa de uma linha dura? É Bolsonaro! Aí, é outra história”, afirma Reis.

Após um novo corte, o cantor segue:

“Eu ‘tô’ com o Bolsonaro, eu gosto dele… Se ele vier, pode ter a certeza de que ele vai botar a casa em dia”.

O apoio foi comemorado por Bolsonaro nas redes sociais. No Twitter, o parlamentar agradeceu “a consideração do fantástico e cativante cantor e deputado federal”.

Sérgio Reis foi eleito deputado com pouco mais de 45 mil votos e acabou garantindo a sua vaga na carona de Celso Russomanno, que foi eleito em 2014 pelo mesmo partido, o PRB, com cerca de 1,5 milhão de votos.

Em julho passado, The Intercept Brasil mostrou que o cantor-deputado havia sido até então o líder em emendas pagas pelo governo de Michel Temer este ano. Sérgio Reis chegou a cantar em ao menos um evento em Brasília reunindo políticos da base do governo e o próprio presidente.

Após a repercussão do caso envolvendo a liberação de emendas – instrumento usado na barganha política – Sérgio Reis decidiu votar em plenário pelo prosseguimento da primeira denúncia apresentada contra Temer, que acabou sendo derrubado pela maioria dos deputados.